A equipe multidisciplinar do Serviço de Reabilitação é composta por: médicos fisiatras, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, psicólogos especializados em reabilitação (neuropsicólogos), profissionais de educação física, terapeutas ocupacionais e técnicos de enfermagem. Os atendimentos são disponibilizados aos pacientes internados e ambulatoriais. 

Os especialistas realizam diagnóstico, tratamento e prevenção de incapacidades, recorrendo a medidas preventivas, terapêuticas, adaptativas e educacionais. Elas são voltadas não apenas para a doença e suas causas, mas também para os efeitos e consequências sobre a vida do paciente e de seus familiares. 

O objetivo principal é a máxima independência dos pacientes, bem como o suporte e educação para o enfrentamento de sua nova realidade. 

A reabilitação em oncologia é um conjunto de medidas terapêuticas voltado para que o indivíduo atinja o máximo de seu potencial físico, psicológico e social. As questões mais frequentes abordadas são:

  • Dor incapacitante;
  • Limitação de movimento ocasionada pela cirurgia ou radioterapia;
  • Perda de força e sensibilidade;
  • Redução da fadiga (cansaço) relacionada ao câncer;
  • Ocorrência de edema (linfedema);
  • Distúrbios da comunicação e da deglutição;
  • Disfunções urogenitais pós braquiterapia;
  • Incontinência urinária e fecal;
  • Amputação de membros;
  • Paralisias decorrentes do tratamento ou envolvimento do sistema nervoso central; 
  • Disfunções da bexiga pós-operatórias ou por comprometimento do sistema nervoso;
  • Perdas cognitivas relacionadas ao comprometimento encefálico;
  • Demanda de suporte psicoafetivo.

Centro de Reabilitação 

O Centro de Reabilitação, de 190m², localizado no andar térreo do Icesp (torre verde), é destinado aos pacientes ambulatoriais. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 7 às 20 horas. Os atendimentos ocorrem conforme a indicação médica, de 1 a 2 vezes por semana. 

A prática regular de exercícios físicos proporciona inúmeros benefícios para o paciente com câncer, tais como melhoras da capacidade física, fadiga (cansaço), dor,  funcionalidade, disposição, humor o do padrão de sono, além de auxiliar no controle do peso.

Boa parte das ações envolve, também, atividades educativas e de suporte, visando a continuidade do cuidado domiciliar para manutenção dos ganhos e promoção da saúde.

 

 

 

INSTITUTO DO CÂNCER DO ESTADO DE SÃO PAULO

Av. Dr. Arnaldo, 251 - Cerqueira César - São Paulo - SP
CEP: 01246-000 | Tel.11 3893-2000